2010/04/15 - Day 1: Exercise II

"Paixão! Paaaaaixãããããããoooooo! Quero tê-la ao pé de mim."

É este o suspiro de milhares que olham as estrelas no infinito.

É incrível como apesar de cá estarmos todos ao molho temos a ousadia de, sentindo-nos sós, olharmos para os desconhecidos como se fossem simples esboços de um qualquer desenho mal-amado pelo seu autor.

Enfim, é este um pequeno texto sobre um clichet sem fim.

1 comentários:

Anónimo disse...

Então queres ser "escravo" da tua paixão:)
Bendito WS( tratamo-nos por tu cá tu lá eu e o Bill;)

Enviar um comentário

Olá... estou-te a ver! Podes falar mal ou falar bem mas com juizinho sff! Beijinho e/ou Abraço

Escrito de Fresco porquê?

Há quem me tome por incontinente verbal mas a verdade é que a minha língua não tem débito suficiente para o turbilhão de pensamentos que me assolam a mente a todo o momento. Alguns engraçados, outros desgraçados, mas vários merecedores desta lapidação digital para a posteridade e, quem sabe, para a eternidade. Os escritos aqui presentes surgiram do nada e significam aquilo que quiseres. Não os escrevi para mim mas sim para ti. Enjoy
Ocorreu um erro neste dispositivo

Seguidores